Avançar para o conteúdo principal

Top Ten Tuesday - Novas Séries Que Quero Começar


Séries é o que não me falta. Principalmente porque quando acho um livro interessante, ultimamente, ele faz parte de uma série e eu acabo por adicionar a série toda à "to-read list". Se bem que tenho andado a controlar-me mais no que toca a adicionar séries à minha lista de livros para ler, há algumas que tenho muita curiosidade em ler. São elas:

1. Mistborn, de Brandon Sanderson - Esta trilogia captou a minha atenção há pouco tempo. Mas das opiniões fantásticas que tenho visto por aí, bem como de pessoas que conheço, fiquei com muita vontade de ler.

2. The Pendragon Cycle, de Stephen Lawhead - Esta série tem cinco livros e tem como tema a lenda arturiana: personagens, símbolos e locais alusivos ao mito arturiano. É claro que tudo o que mete o rei Artur me interessa, por isso, está na minha lista

3. The Broken Empire, de Mark Lawrence - Confesso que adicionei esta trilogia por causa das capas. O que querem? Não resisti! Mas depois de ler a sinopse fiquei igualmente interessada, por isso, nada temam.

4. The Fionavar Tapestry, de Guy Gavriel Kay - Li Os Leões de Al-Rassan, que adorei, e tenho no Kobo mais livros dele para experimentar. Mas esta série, com mito arturiano e celtas e nórdicos e fantasia - como não querer ler?

5. Chronicles of the Black Company, de Glen Cook - Nove livros, nem mais. Sei que adicionei esta série à minha lista porque, na altura, andava com vontade de ler fantasia dark/épica e esta série pareceu-me bem. Imaginem feiticeiros e semi-deuses a irem para a guerra, e as histórias da guerra serem contadas pelos soldados. Soa-me bem.

6. Malazan Book of the Fallen, de Steven Erikson - Acho que vai ser um marco na minha vida começar esta série. Já nem digo ler os restantes livros e acabá-la, mas pelo que li, esta série é um verdadeiro desafio ao leitor. E como gosto de desafios, hei de, eventualmente, lê-la.

7. The Empire Trilogy, de Raymon E. Feist e Janny Wurts - Fantasia cuja base não é a Idade Média ou mitologia europeia, esta trilogia é de inspiração oriental e, além disso, penso que tem uma protagonista feminina. Fiquei com ela debaixo de olho.

8. Trilogia Phèdre, de Jacqueline Carey - Penso que por cá, esta série é mais conhecida como a série Kushiel, mas corrijam-me se estiver errada. Depois de me terem falado tão bem dela, e de ter lido opiniões tão positivas, fiquei com muita vontade de a ler.

9. Farseer Trilogy, da Robin Hobb - Conheço fãs acérrimos desta série. Aliás, de tudo o que é Robin Hobb, e eu, como sou uma "Maria-vai-com-as-outras" (mais ou menos, vá...), também quero ler!

10. The Warrior Chronicles, de Bernard Cornwell - Tenho muita curiosidade em ler livros deste senhor. Tenho cá a trilogia dele sobre o rei Artur (pois 'tá claro), mas quero muito ler os livros destas crónicas saxónicas. Porque ando a comprar os livros para a minha mãe e depois ela diz "Tens que ler! É tão bom! Ias adorar!" E não se diz que não à mãe, não é?...

O Top Ten Tuesday é uma rubrica semanal da autoria do blog The Broke and the Bookish

Comentários

Célia disse…
Robin Hobb ♥
E Kushiel, também! :)
Tita disse…
Jacqueline Carey e Robin Hobb yeahhhh \o/
Também tenho o ciclo de Pendragon do Lawhead por ler (ou melhor para reler os 3 primeiros e ler os seguintes). E não são 5 mais sim 6 livros - Avalon https://www.goodreads.com/book/show/6338982-avalon e falta-me arranjar "coragem" para pegar neles =P
Beijinhos
Diana Marques disse…
Célia: quero muito ler Robin Hobb! Queria ver se arranjava um espacinho para ela ainda este ano :)

Tita: Tens razão, roubei ali um livro ao Lawhead :P Quanto à coragem, acho que cada vez é preciso mais coragem para começar séries novas, com tantas a surgirem e outras tantas que nós já temos para ler...
WhiteLady3 disse…
Não se diz não às mães que elas até sabem do que falam, diz a gaja que tem lido livros aconselhados pela mãe e tem gostado das sugestões. :D

o Mark Lawrence e o Glen Cook também em deixaram com a pulga atrás da orelha, mas parece que não há maneira de alguém do meu grupo de "pessoas cujas sugestões é para ir a correr comprar" os começar a ler e realmente aconselhar entusiasticamente, como aconteceu com o Mistborn. :P
Diana Marques disse…
Lol percebo-te. Eu também tenho passado esses livros para trás porque se é para me meter nalguma coisa nova, que seja nos livros bem cotados por pessoas que conheço e em cujas opiniões confio :P