30 de agosto de 2009

Nova leitura: Werther, de J. W. Goethe


E acabado de ler Miriam, vou partir para outra leitura, desta feita mais curta: Werther, de Goethe.
Fica aqui a sinopse:

"Goethe, uma das figuras decisivas da literatura alemã, expressou o seu génio através da uma multiplicidade de géneros literários, como a poesia, o teatro, o romance, o ensaio e a crítica sobre os mais variados temas.
No entanto, foi com o romance epistolar Werther que o escritor alcançou celebridade e influenciou profundamente a sua época. Num ambiente cultural marcado pelo racionalismo, a narrativa da paixão trágica do jovem Werther conferiu especial realce ao sentimento e às razões do coração. Esta história de amor desencadeou uma autêntica «febre wertheriana», sobretudo entre os jovens, inscrevendo as letras da sensibilidade no espírito do tempo."

Sem comentários: