4 de novembro de 2012

The Wonderful Wizard of Oz - Opinião

Título: The Wonderful Wizard of Oz
Autor: L. Frank Baum
Lido no Kobo
Sinopse (do Goodreads)
:
"Dorothy thinks she's lost forever when a tornado whirls her and her dog, Toto, into a magical world. To get home, she must find the wonderful wizard in the Emerald City of Oz. On the way she meets the Scarecrow, the Tin Woodman and the Cowardly Lion. But the Wicked Witch of the West has her own plans for the new arrival - will Dorothy ever see Kansas again?"

Opinião:

Há uns tempos comecei a ter vontade de rever o filme O Feiticeiro de Oz, com a Judy Garland. E foi então que pensei: porque não ler o livro, já que ainda não o tinha feito? Pois bem. Lá fui eu ao Project Gutenberg e num instante estava a ler este livro no meu Kobo.

Li este livro muito depressa. É uma história simples, com um enredo que não é complexo mas que nos deixa apegados às personagens e às coisas que lhes vão acontecendo. Ficamos a conhecer aquele mundo mágico e diferente, o feiticeiro de Oz, a Cidade Esmeralda, as bruxas boas e as terríveis, as várias criaturas que habitam nesse mundo e as aventuras por que passam Dorothy, o Espantalho, o Homem-Lata e o Leão Cobarde. Todos viajam até Oz para conhecer o Feiticeiro e pedir-lhe algo a que almejam. Dorothy quer voltar para o Kansas, o Espantalho quer ter um cérebro, o Homem-Lata quer ter um coração e o Leão quer ser corajoso. Os cenários são muito coloridos, as personagens têm a sua inocência e ingenuidade mas não são parvas, de todo. Apesar de diferentes, todos forjam laços de amizade inquebráveis e o espírito de entreajuda pareceu-me ser o mais importante do livro.

Todos são personagens muito queridos e apesar da história ser simples e lida num ápice, não deixamos de nos agarrar ao livro. Eu gostei bastante de entrar nesta magia de Oz, de conhecer os que lá habitam e de percorrer com Dorothy e companhia os caminhos que fizeram até ao final da história. Soube-me bem ler este livro ao mesmo tempo que li o A Canticle for Leibowitz, porque me permitia descomprimir de um livro mais denso e complexo.

5/6 - Muito Bom

2 comentários:

WhiteLady3 disse...

Eu adoro o filme mas nunca me passou pela cabeça ler o livro. Li no entanto uma espécie de spin-off do Gregory Maguire de que não gostei, mas tenho muita expectativa quanto ao musical. *desata a cantar o refrão da "Defying Gravity"*

Diana Marques disse...

Este livro é toda uma fofinhice! Tenho que rever o filme, porque há algumas coisas de que não me lembro. Mas, como é hábito, há diferenças e algumas partes do filme não são bem como acontecem no livro :P