31 de dezembro de 2010

Balanço de 2010

E mais um ano que acaba. Para mim parece que passou tão depressa!
Assim sendo, está na altura de se fazer um balanço de leituras, o que correu melhor, o que correu pior e fazer alguns planos para o ano que se avizinha.

É sempre difícil eleger o melhor livro que se leu num ano. De um total de 37 livros lidos, houve alguns realmente magníficos e que me ficaram na memória. Por isso, prefiro eleger 5 que me marcaram este ano como os melhores livros que li, por ordem aleatória:

A Sombra do Vento - Carlos Ruíz Zafón
As Serviçais - Kathryn Stockett
O Décimo Terceiro Conto - Diane Setterfield
The Picture of Dorian Gray - Oscar Wilde
Acheron - Sherrilyn Kenyon

Por outro lado, se podemos eleger os melhores, também há que eleger as que foram as maiores desilusões de 2010:

Wuthering Heights - Emily Bronte
Leonor de Habsburgo - Yolanda Scheuber
A Alquimia do Unicórnio - Antonio Rodríguez Jiménez

Mas também houve surpresas! Livros que li sem grande expectativa mas que se revelaram ser livros surpreendentes pela positiva:

Às Minhas Filhas - Elizabeth Noble
Os Leões de Al-Rassan - Guy Gavriel Kay
A Sombra do Vento - Carlos Ruíz Zafón

Quero fazer só uma chamada de atenção: estas listas não foram baseadas nas classificações que dei aos livros, mas sim na maneira como eles me tocaram, me comoveram ou me deixaram indiferente. São livros que me ficaram na memória por algum motivo e não porque dei a classificação mais baixa ou mais alta.

Por fim, faltam os planos para 2011! Uma coisa que eu já percebi é que quando faço planos, pouca coisa corre como eu queria, por isso, deixei de fazer planos muito concretos. Espero, simplesmente, ler tanto ou mais do que li este ano (tarefa que vai ser dificultada pelo mestrado, já que é em 2011 que vou começar a escrever a tese...).
Espero, também, diminuir consideravelmente a minha pilha de livros que parece aumentar em vez de decrescer! Quero despachar a maior parte dos livros que cá tenho no ano de 2011 e isso implica, claro, gastar menos dinheiro em livros, o que vai ser bastante bom para a carteira.
Por outro lado, vou apostar mais nos empréstimos de bibliotecas, seja aquela que eu tenho a 5 minutos da minha casa (é uma vergonha eu ter uma biblioteca tão perto e nunca lá ir!), a da faculdade e estou a pensar também inscrever-me nas BLX. Não custa nada e só traz benefícios!

Feitos os balanços, os planos e tudo mais, resta-me desejar a todos os que visitam o Papéis e Letras um feliz Ano Novo! Recheado de livros, de saúde, felicidade e que todos os vossos projectos se realizem.

Beijinhos e abraços e até para o ano!

3 comentários:

Célia M. disse...

Dos teus favoritos do ano, alguns também entraram na minha lista (que ainda não publiquei :) )

Espero que seja um bom ano para ti e já que estás a pensar frequentar mais a biblioteca, pode ser que nos encontremos por lá :D

Diana disse...

Obrigada e um bom ano para ti também! :)
Estou mesmo a pensar inscrever-me, acho que ia dar um jeitão e tenho estado sempre a adiar por um motivo ou outro... 2011 há-de ser o ano das BLX!! lol

Célia M. disse...

Eu inscrevi-me há coisa de um mês e já trouxe de lá 5 livros! A verdade é que eles têm lá livros bem recentes e sendo de borla acho que é uma boa ideia aproveitar ;)